Cefaléia Crônica Diária

A cefaléia crônica diária é uma síndrome que compreende quatro doenças que tem em comum o fato de apresentarem a frequência da dor de cabeça diariamente, ou quase diariamente, por definição, dor de cabeça ou cefaléia diária é aquela dor de cabeça que aparece por mais do que 15 dias em um mês, por mais de três meses.

Enxaqueca crônica, cefaléia tensional crônica, hemicrânia contínua e cefaléia nova diária e persistente são as quatro síndromes que compoem a cefaléia crônica diária.

A enxaqueca crônica evolui geralmente de uma cefaléia do tipo enxaqueca, ocasional, esporádica, e passa a aumentar a frequência até chegar a ser diária, ou vir mais dias com dor do que sem dor. Da mesma forma a cefaléia tensional, porém como o próprio nome coloca, com caracterísitcas de dor de cabeça tipo tensional.

A cefaléia nova diária e persistente é caracterizada pela cefaléia de início já com frequência alta, diária, não ocorre uma evolução como na enxaqueca crônica e cefaléia tensional crônica. Chamada em ingles de "new daily persistent headache".

A hemicrânia contínua também é classificada como uma cefaléia trigêmino-autonômica. É uma dor de cabeça que responde completamente a indometacina, um antiinflamatório, que com o ajuste de dose alivia 100% das dores da hemicrânia contínua. A dor de cabeça pode ser forte nas exacerbações, mas tem uma dor de cabeça basal contínua de intensidade leve e moderada. O termo hemicrânia significa na metade do crânio. A hemicrânia contínua portanto é uma dor de cabeça que ocorre apenas em uma metade da cabeça.